HEARTHSTONEComo ser Eficiente no Hearthstone?

Marduk 3 de julho de 2014

Introdução

O artigo de hoje falará sobre uma das premissas básicas de um Card Game, a Eficiência!

Você está sempre querendo Draftar cartas eficientes na arena, ou ter as cartas mais eficientes no Constructed certo? Mas o que faz uma carta eficiente? Geralmente a eficiência da carta é definida pela relação entre seu custo de mana e o corpo/efeito da mesma. Quanto menor o custo de mana e maior o corpo/efeito, maior a eficiência da carta. No entanto, ter cartas boas mas não usa-las de maneira eficiente é inútil. Quando falamos de usar eficientemente as cartas em jogo dois grandes conceitos devem ser lembrados, a Eficiência de Mana e a Eficiência de Dano.

mana eff 3

Eficiência de Mana

O que é ser Mana Efficient no Hearthstone? Simplificando, isso significa usar toda a sua mana disponível a cada turno. Lembrando que gastar toda a mana em um turno não faz disso a melhor jogada, mas continua sendo um fator importante, inclusive para decidir qual seria a melhor jogada. Outro ponto importante de ser Mana Efficient, é que utilizando de maneira correta sua mana a cada turno, você será capaz de aproveitar melhor uma possível vantagem de cartas, colocando mais lacaios em campo.

É extremamente importante para avaliar a eficiência de uma jogada, nunca jogar pensando apenas no turno presente. Sempre planeje seus próximos turnos. Não adianta nada você ser Mana Efficient nesse turno, e no seguinte não ter nada para jogar por falta de planejamento. Isso acontece muito com jogadores que usam a Moeda de maneira precoce para colocar 2 lacaios em campo no turno 1, e no turno 2 não tem nada para jogar.

Vamos a um exemplo prático. Você está no turno 3, já jogou uma Dragoleta no turno anterior, e tem em sua mão um Malabarista de Facas, um Beserk Amani, e 2 Golem Colheiteiro. Muitos estariam tentados a jogar o malabarista de facas, para poder fazer uso de sua habilidade o mais rápido possível, mas a jogada Mana Efficient é obviamente o Golem que custa 3 manas. Fazendo isso você será capaz de no turno 4 fazer o Malabarista juntamente com o Amani, e no turno 5 o Golem + outro lacaio custo 2. Percebe como você teria colocado menos lacaios em campo, se resolvesse fazer a ordem inversa?

mana eff 2

Nunca se esqueçam que um pequeno movimento errado, um deslise minimo, e toda a sua partida pode ser comprometida. O Card Game é um gênero de jogo que não puni imediatamente, nem explicitamente, a maioria dos pequenos erros, assim como outros jogos fazem. No Super Mario você morre instantaneamente ao errar um pulo, e sabe que aquilo foi o motivo da sua morte. No Hearthstone você erra uma ordem de jogada no turno 3, perde o jogo no turno 8, e nunca vai saber que foi aquele errinho minusculo no começo, que escalou exponencialmente e o fez perder a partida.

Basicamente, quando estiver jogando, pense qual carta você pode jogar nesse turno que use toda a sua mana, e que ainda sim te permita usar toda a sua mana também no turno seguinte. Apenas seguindo essa dica, você perceberá o quanto o seu jogo ira mudar.

É claro que, assim como disse acima, muitas das vezes não será possível fazer a jogada que use toda a sua mana. As vezes você será forçado a dar uma Seta de Gelo no turno 3, para remover um Malabarista de Facas, ou um Aventureiro em Missão, pelo simples fato de que o risco que eles representam permanecendo vivos em campo, é muito maior do que o prejuízo causado pelo 1 de mana que ficará sobrando. Com o tempo vocês irão adquirindo mais experiencia para avaliarem essas situações, pois como eu disse, mesmo não sendo sempre a melhor jogada a que gaste toda a mana, ainda é um quesito importante na hora de avaliar a melhor jogada.

mana eff 4

Eficiência de Dano

Outra forma de ser Eficiente no Hearthstone é a Eficiência de Dano. Ela consiste em causar sempre que possível, o dano exato necessário para matar um lacaio em campo. Vamos dizer que seu oponente tenha jogado no turno 3 um Veloférro Cinzento 3/3, e na volta do seu turno você tenha decidido por usar uma Bola de Fogo para remove-lo. Esse seria um uso extremamente não eficiente da Bola de Fogo. Sim, você fez 1 para 1 e removeu o lacaio do campo, mas acabou por desperdiçar 3 de dano. Agora imagine no turno seguinte, seu oponente joga um Draco do Crepúsculo 4/6, onde está sua Bola de Fogo agora? Nessa situação você foi obrigado a dar uma Seta de Gelo e ainda bater com sua Dragoleta que estava no campo para remover o Draco do inimigo, dando ao seu oponente um 2 pra 1. Quem leu o ultimo artigo sobre Como vencer um jogo com Card Advantage, sabe que essa é a melhor maneira para se perder uma partida no Hearthstone.

A Eficiência de Dano não está ligada obviamente apenas as magias. Fazer as trocas corretamente com os lacaios em campo, aproveitando ao máximo o seu dano, pode acabar se tornando não apenas eficiência no dano mas também na mana. Exemplo disso seria você usar um Diabrete de Chamas para remover um Veloférro Cinzento, nesse caso você não só foi eficiente no dano como também no custo de mana, trocando um lacaio custo 1 por outro custo 3.

Conclusão

Minha nota final sobre o assunto é uma dica, voltada exclusivamente para os novatos que estão lendo esse artigo. Sempre que possível faça o simples, apenas tente executar as jogadas que gastem toda a sua mana, e cause apenas o dano necessário para matar cada lacaio. Mesmo sabendo que nem sempre essas serão as melhores jogadas, isso vai fazer com que você acerte mais, e com o tempo vá adquirindo experiencia para fazer esse julgamento de maneira mais clara e correta.

Obrigado a todos pela leitura, e lembre de compartilhar com seus amigos que também jogam.

Até a próxima!

Fonte:IHearthu