HEARTHSTONESuperUai comenta os nerfs (Patch 9.1)

SuperUai 8 de setembro de 2017

Finalmente chegaram os nerfs! Ou melhor, finalmente chegou o anúncio dos nerfs! Apesar de não terem dado uma data específica, o mais provável é que essas mudanças sejam aplicadas dia 19 de Setembro, exatamente a terça-feira seguinte à classificatória das Américas.

Acharam justo? Acharam injusto? Bom, eu vou aqui dar o meu pitaco e fazer minha análise sobre os nerfs.

 

Nerfs e Análises

[Machado de Guerra Abrasador]

Esse nerf eu cantei em Fevereiro, em um post aqui na MKTV. O Machado hoje é uma das melhores, se não a melhor, carta do jogo. Eu não escrevi arma ou carta de custo 2, eu escrevi CARTA. Esse Machado é absurdamente forte e destruidor para o jogo. É uma carta que vê jogo tanto no deck Aggro, quanto no Midrange, quanto no Controle e ainda por cima é Básico! Muita gente não gostou do nerf, mas vou explicar aqui o porquê foi necessário e o porquê que essa carta não vai morrer (ainda).

Paladino usa [Lâmina da União] mesmo sem ter um lacaio com Escudo Divino no deck (ou tendo somente o Tirion Fordring). Caçadores estão utilizando [Arco Hastáguia], mesmo o deck não contendo Segredos. Porque eles estão usando isso? Porque uma arma 3/2 por 3 manas é muito forte atualmente, principalmente se a sua classe não consegue lidar direito com lacaios com 3 de Vida. “[Seta de Gelo] custa 2, agora Guerreiro não resolve nada no turno 2”, sim, é verdade, mas a seta só pode ser usada uma vez e o Machado pode ser usado duas vezes. Agora o Machado é uma carta justa. Ela é uma carta boa, mas é pior do que as cartas RARAS do Caçador, Paladino e (agora) Ladino, faz sentido.

Será o fim do Guerreiro Pirata? Hum, acho que não deve ser o fim dele, mas que vai perder muita força, ah, isso vai, mas ele tem algumas coisas que podem ser colocadas no lugar do Machado ou inverter a ordem das coisas. Por exemplo, acho que o deck não deve ter mais espaço para a [Sectária da Vela Sangrenta], assim acaba ganhando um espaço para um pacote Murloc, voltando com o velho Guerreiro Água!

O que os desenvolvedores disseram? O Machado é uma carta poderosa demais desde o início do Hearthstone. Com esse nerf eles esperam não matar a carta e nem os decks, apenas diminuir o Tempo e poder da carta. A outra opção a esse nerf era fazer ele ficar 2/2, conforme foi dito pelos desenvolvedores, mas assim mal surtiria efeito na carta. Mandaram bem.

[Bagata]

Foi o único nerf que eu achei errado. Sim, a carta é tão boa quanto [Polimorfia], mas puts de 3 pra 4 é muito simples e não faz ser diferente. Xamã é a única classe com Sobrecarga e a mecânica principal da classe não é representada em lugar algum do conjunto básico. Acho que aqui perderam a oportunidade de fazer uma Sobrecarga (1) na carta e apresentar a mecânica no conjunto Básico.

O que os desenvolvedores disseram? Xamã tem muita flexibilidade, apesar de não estar sendo muito jogado atualmente, a Bagata poderia se tornar uma dor de cabeça no futuro e para evitar isso, ela entrou no pacote de nerf de agora.

[Líder Guerreiro Murloc]

Meh. Essa carta sempre foi jogada para dar mais agressividade aos Murlocs, o +1 de vida era só um feliz bônus. Confesso que já fiquei muito p da vida por conta desse +1 de Vida, mas ficava mais ainda quando o cara tirava um letal do nada por causa dela, ou conseguia trocas absurdas por conta do +2 de ataque. Tirar o +1 de Vida não vai matar a carta.

O que os desenvolvedores disseram? Remover o bônus de vida, vai diminuir o efeito Bola de Neve, pois deixará mais fácil de resolver a mesa. Outro problema que esse bônus trazia era a frustação de um [Piromante Selvagem] + [Igualdade] (HAHAHAHAHAHAHA), agora esse meme está morto. Eles consideraram nerfar o [Caçador Poçapétrea] ao invés do Líder, mas nerfar o Líder ganhou por conta de remover o problema do combo mencionado.

[Avivar]

Sim, virou moeda. Finalmente. Eu preferia que custasse 2 manas e desse 4, mas também gostei desse nerf. Duvido que seja a morte da carta, ganhar mais um de mana é sempre bom, vide [Moeda Falsa]. Com esse nerf, eu particularmente acho que não precisa mais nerfar a [Infestação Total], bom pelo menos na teoria, vamos ver como estaremos na prática.

Também não acredito que o Avivar tenha morrido, mesmo não ganhando o grande impulso dos 2 de mana, o Druida ainda possui um ramp forte e o Avivar ainda vai se beneficiar desse ramp.

Essa mudança deixa o Druida mais fraco? LÓGICO QUE DEIXA! Isso vai matar o Druida? Duvido muito. O Druida em Un’Goro não tinha Infestação Total e nem Peste Incontrolável e já estava um deck consistente, principalmente o Aggro. O Aggro não precisa do Avivar, ele usava porque podia, mas não era a carta mais importante do deck. Analisando os dados do metastats, o Druida Aggro ganhava 57% das partidas em que ele “Avivava”, mas ganhava 52% das partidas que não Avivava, praticamente não faz diferença.

O que os desenvolvedores disseram? Eles consideraram as seguintes opções:

1 – 0 Mana: Restaure 2 manas.

2 – 1 Mana: Ganhe 2 manas este turno.

3 – 4 Mana: Ganhe 6 manas este turno.

(Ainda prefiro o meu descrito ali em cima)

Por ser uma carta Básica e que marca uma identidade do Druida (manipulação de Mana), Avivar tinha que continuar sendo uma carta simples. Eles estão cientes que isso não mata a carta, pois [Moeda Falsa] vê jogo no Ladino por conta de cartas como [Leiloeiro de Geringontzan] e Edwin VanCleef, então se o Avivar for combinado com as cartas certas, ele pode ser uma força além do controle. Com o nerf, eles acham que essa força vai diminuir, mas não vai matar a carta, vai fazer apenas que ela seja menos utilizada.

[Peste Incontrolável]

Acho que foi o pior nerf possível, mas vai né. Aumentar o custo em 1 deve dar uma ajuda para os Aggros, mas o problema ainda vai persistir contra decks controle e Midrange. O principal problema dessa carta é o ganho de turnos que o Druida ganha. Essa carta é praticamente um [Bloco de Gelo] e como o Druida também pode simplesmente jogar um 10/10 por 1 de mana, 6 ou 5 manas é indiferente.

O que eu faria: Diminuiria o tamanho dos Provocar, para 1/3 ou 1/4 no máximo. Até que manteria os 5 manas, pra mim o problema é o tamanho do muro, não o preço.

O que os desenvolvedores disseram? Esta carta tem o efeito que eles quiseram dar: proteger o Druida contra Aggros, o problema é que ela estava se saindo muito melhor do que deveria ao custo de 5 mana. Passando para 6 mana, a carta perde um pouco a consistência, o suficiente para ainda deixar o Druida vunerável a Aggros, mas nem tanto. Eles pensaram em fazer a carta custar 7, mas como eles também nerfaram o Avivar, eles acharam que aumentar só 1 já estava suficiente.

Análise geral dos nerfs

Eu gostei dos nerfs e acho que essa foi a melhor rodada de nerf que já tivemos no jogo, provavelmente não matou nenhuma carta, mas ainda me incomodo com o nerf da Bagata, perderam uma ótima oportunidade de ter uma carta com Sobrecarga no conjunto básico.

Por que não nerfaram a carta X?

X = Infestação Total. Todos sabemos que foi isso que você fez.

Segundo os dados colhidos durante esse tempo no jogo, o principal problema do Druida é a Peste Incontrolável e Avivar não a Infestação, aliás, segundo os desenvolvedores, Infestação nem era lá tão absurda assim nos dados deles, forte, mas justa.

Concordo com isso, o principal problema sempre foi o Ramp obsceno do Druida e agora, com Cavaleiros do Trono de Gelo (CTG), o Druida ganhou uma habilidade defensiva muito forte que compensa o problema de rampar muito e desenvolver a mesa pouco. Infestação Total só é absurdo quando jogado no turno 6 ou 5, se for jogado no turno 10+, ele vira uma carta forte apenas.

Eles cogitaram em fazer a carta ser 10 Mana 4/4, 4 cartas, 4 dano e 4 armadura ou remover um dos efeitos (na minha opinião tinha que ser remover o lacaio ou tudo 3).

Lógico, isso aí é tudo achismo, vamos ver o quão consistente vai ocorrer uma Infestação no turno 6 ou 7.

Meu veredito final: Com o nerf do Avivar, Infestação Total não precisa mais ser nerfada.

Hall da Fama

Muita gente (eu incluso) defendia que algumas cartas deveriam ir para o Hall da Fama (HdF) sempre que possível, pra mim eles já deveriam ter mandado o Leiloeiro para o HdF quando CTG saiu.

Na nota deles sobre o nerf, eles falaram da possível ida do [Bloco de Gelo] para o HdF, mas deixaram claro que HdF somente durante a rotação anual, eles não querem fazer mudanças no meio do Padrão, somente em rotação.

Finalizando

Finalmente uma rodada de nerfs que não jogou tudo fora! Mas que não será efetivo o suficiente para remover o Druida do jogo, ainda estaremos jogando Druidstone por um tempo, até começarmos a jogar Sacerdostone, isso se a parada não descambar de vez e o treco virar Sacerdruistone, aí sim estaremos na merda total!

Ainda estou revoltado com o nerf da Bagata! TINHA QUE TER SOBRECARGA!!! (Custar 3 e Sobrecarga 1)

E vocês, feras? Como estão? Gostaram do nerf? Odiaram? Resolveu alguma coisa? Alguma coisa fora do esperado? Deixa ae seu comentário pra gente!


SuperUaisuperuai

Pai de dois futuros lenda, arranja tempo pra jogar entre uma troca de fralda e hora do papá. Sonha em voltar com os vídeos do canal, mas você pode acompanha-lo pelo Facebook ou pelo Twitter.

  • Lucca Vanin

    cara,10 manas q da clear e invoca um bicho e da armor ja eh forte,comprando 5 cartas em 1 turno enquanto tem outros efeitos eh muito,dispara compra soh 4 e nao da efeito nenhum

  • Jefferson Fingolo

    Acho um efeito situacional para o machado abrasado( assim como os outras armas 3/2) séria bom,,, Ou até uma sugestão que vi de custo 2 mas so poder atingir lacaios( mas realmente ainda seria uma carta muito forte )

    • http://www.youtube.com/SuperUai SuperUai

      O problema do Machado não é causar dano na cara, é justamente controlar a mesa muito bem! Se colocasse “Só pode atacar lacaios” seria um buff, já que muita gente que usava errado, vai passar a usar certo.

  • Thiago Vargas

    Uma alternativa que eles não pensaram seria nerfar algumas magias tornando-as lendárias. Isso não combinaria com o “padrão heartstone de qualidade”, nem seria fácil fazer igual para todas as classes, mas seria interessante ter um avivar lendário ou um bloco de gelo (nerf que tantos pedem) lendário ao invés de nerfá-los.
    Mas o importante é que nerfaram pelo menos!

    • Riquelme Lima

      Haja pó se tivesse feitiços lendários, o jogo já difícil pra iniciante começar assim ficaria impossível.

      • Welber NS

        Creio que o que ele quis dizer com “lendário” é poder apenas utilizar 1 em cada deck, como os cards lendários são, e eu concordo, não precisa ser lendário, mas limitar em 1 por deck já torna mais saudável.

        • Thiago Vargas

          Isso mesmo, assim como as cartas “banidas” do magic, ou restritas, não lembro o nome específico, e só pode ter uma no deck. Como a “Equilibrio”.

          • http://www.youtube.com/SuperUai SuperUai

            Restrito no Magic vale somente para o formato Vintage. Fazer cartas restritas através de lista de cartas restritas é ruim para os jogadores inexperientes e é pior ainda para quem está desenvolvendo o jogo. Não estou dizendo que não possa ocorrer cartas restritas no futuro, mas com certeza será marcado através de uma nova raridade ou tipo de carta. Com certeza eles devem ter pensado nisso, afinal o Hearthstone veio do Magic, só não acharam que seria correto mudar o tipo de uma carta, mas, como disse aqui nesse comentário, nada impede de no futuro termos um tipo novo de carta que seria restrita.

  • Davi

    SuperUai sempre mandando bem nos artigos! A espera do Sacerdruistone com meu mero Demon DK Warlock 🙁

  • Magnosama

    Gostei mais da sugestão do Kibler para o Avivar,

    Em vez de aumentar 2 de mana, seu próximo lacaio custa – de mana,

    acabando com a influência do Avivar em feitiços.

    De resto, gostei de todos os nerfs… que meu Sacerdote BRILHE…

    • Reinaldo Pereira Dias dos Sant

      O ruim é que se for assim o card perde a identidade que é o Ramp. Sacou? Não é ruim, amas perde a identidade.

      • Magnosama

        A carta perderia a característica de ramp,

        Mas a classe Druida manteria a identidade de jogar lacaios gigantes no early game…

  • David Airan

    super uai cuidao quando c fala do machao ao comparalo com a seta gelo vc nao levou em conta que o guerreiro perde vida tirando lacaios do board ja seta n perde vida e ainda congela o lacaio um turno o druida temd ira que perde vida mesmo custo e tbm e bem flexivel podendo comprar cards com a spell essa sua avaliaçao esta muito errada pq vc n levo todos os fatores das classes no jogo apenas analizo por cima sem levar tudo em consideração assin com a blizz fez e finalizou

    • http://www.youtube.com/SuperUai SuperUai

      Cara, se perguntarem para o Mago “Você quer uma Seta de Gelo que pode ser ativada em dois turnos diferentes, mas você perde 3 de vida sempre que usá-la ou você quer uma Seta de Gelo que custe 2 mana e você não perde vida?” Quem escolher a segunda, claramente não sabe jogar HS.

      A vida gasta com a utilização do Machado é paga com um sorriso estampado no rosto, até mesmo quando você se joga em uma Hidra 8/8 pra poder dar um Executar em seguida. O Macha no turno 2 inibe muitas jogadas de turno 2, 3 e 4. Uma Seta de Gelo jogada no turno 2, só reforça jogadas mais arriscadas no turno 3 e 4, pois você já gastou a sua remoção.

      Seta de Gelo é muito pior que o Machado, fera. Machado mesmo custando vida é (era) a melhor carta do jogo.

      Realmente, quando eu comparei o Machado de hoje com a Seta foi uma grande ofensa ao Machado. Valeu por apontar o erro!

  • Pedro Maia

    Eu tava concordando com quase tudo até ler que 5% de win rate por causa de UMA carta não faz tanta diferença. O autor vacilou nesse comentário em minha opinião.

    • Pedro Maia

      O que diferencia um deck tier 3 de um tier 1 é menos do que isso

      • http://www.youtube.com/SuperUai SuperUai

        Um deck tier 3 tem vitória de uns 47% mais ou menos e o Tier 1 fica com 50% ou mais. Com Machado a vitória é de uns 57% e sem o Machado a vitória é de 52%, e aí? Deixou de ser Tier 1? Fez diferença na classificação? Continuou sendo Tier 1, né?

        • Rafael

          É uma redução bastante acentuada, faz diferença sim. E muita, diga-se.

          • http://www.youtube.com/SuperUai SuperUai

            Okay, antes era Tier S e agora é Tier 1, nossa que prejudicial ao jogo! Druida Aggro vai continuar ganhando.

          • Rafael

            Em um universo que 10 pontos percentuais separam decks de tier 3 e 1, 5 % é bastante coisa..

    • Reinaldo Pereira Dias dos Sant

      Quando ele falou “Não faz tanta diferença” não estava se referindo ao tier ou algo do tipo. Apenas quis dizer que o deck continua mto forte mesmo sem a utilização do card.

      E se vc for levar em consideração que ele não comprou o card sendo q o mesmo estava presente no DECK, significa que a probabilidade de ele ter uma taxa consistente e talvez até superior aos 57% incluindo outras Tech cards no lugar do Avivar é mto alta.

      Então acredito q vc tbm vacilou nesse ponto!

      • http://www.youtube.com/SuperUai SuperUai

        Como eu disse, o Druida Aggro usa Avivar porque pode, não porque precisa desesperadamente dele. Calma!

    • George Bezerra

      Concordo totalmente. Com 57% de winrate vc vai de rank 17-1 até legend em 333 jogos em média, com 52% de winrate vc demora em média 747 jogos, mais que o dobro. Lógico que nem sempre vc comprava Avivar, lógico que vc vai colocar outra coisa no lugar mas provavelmente não vai ser algo que vá aumentar essa winrate acima dos 52% (se fosse aumentar, já estaria no deck, não?).

      A diferença é significativa sim, 5% a mais ao comprar uma carta significa uns, sei lá, 2.5% a mais de winrate no geral? Se considerar que compra a carta metade das vezes, afinal é uma carta que sempre se mantém no Mulligan. Um aumento de 2.5% é suficiente pra vc ter que jogar uns 25% a menos de partidas pra chegar no legend.

  • Gustavo

    Mas se jade druid n tiver mais um começo tão bom com os nerfs os decks midrange vão voltar a ter espaço. E sâo esses os decks contra bons contra highlander priest (kazakus priest) e big priest.
    Só minha opinião.

  • Arthur Silva

    olha acho que vi um pouco de puxação a favor da blizz achei o nerf no machado desnecessário, a mais vem a comparação tem seta de gelo arma do hunter, arma do pala, mas ai se reparou que todos tem efeitos? Que warrior gasta vida cabeceando a board? Agora sim ela uma arma inutilizável pois não traz nada pro warrior, e não venha falar de piratas porque maioria deles vão rotacionar, sei que a blizz não vai rever esse nerf e também espero que eu não tenha que gastar tempo ou dinheiro pra comprar cartas de uma expansão torcendo pra vir algo de útil pro warrior porque a blizz resolveu começar a nerfar cartas básicas e essenciais, num meta onde decks mais lerdos estão dominando e vamos tentar resolver nefando os agros que vai dar certo….

    • http://www.youtube.com/SuperUai SuperUai

      Como eu disse ao responder um comentário no Facebook que disse a mesma coisa, nós da MKTV não queremos e nem pretendemos fazer qualquer post só por puxar saco. Eu (ou qualquer outro membro da equipe) concordar com alguma coisa que fizeram não é puxar saco, é ter a nossa opinião. Todas as armas tem efeito, mas você já viu, nesse meta, alguma vez a arma do Caçador ganhar +1 de durabilidade por conta de armadilha? Você vê a arma do Paladino ser usado em deck puramente de Escudo Divino? O 3 de ataque é ótimo e Caçador e Paladino não possuem o ganho de vida que o Guerreiro possui e mesmo assim usam uma arma 3/2 por 3 só porque é bom o suficiente. Não vai se tornar inutilizável e na próxima expansão pode (e vai) vir coisa para o Guerreiro. Decks mais lerdos dominando? Que jogo você está jogando? Guerreiro Pirata está com 52%+ de Taxa de Vitória segundo ViciousSyndicate e MetaStats, Paladino Murloc está também com 52%+, ambos estão como Tier 1 na TempoStorm desde Un’Goro e esses são longe de serem chamados de decks lentos.

  • Túlio Colaço

    Ainda acho que as cartas de jade deveriam tomar nerf. A mecânica é forte e as de druida são absurdas, esse é um problema que vai existir sempre. Enquanto tiver meta controle haverá Jade pra ganhar.

    • http://www.youtube.com/SuperUai SuperUai

      Você, assim como eu, esqueceu de outro grande predador de Controles: Ladino Missão! Ele tem tudo para voltar forte. Também acho que poderiam nerfar algumas coisas de Jade, mas só de ter nerfado o Avivar, a palhaçada já vai diminuir bastante. E ter um deck que bate outro é normal, acontece em tudo que é jogo.

  • Mauricio Lima

    1 me fale, qual carta que foi nerfada que ainda é jogada?
    2 eles tiram completamente o atrativo da carta
    3 eles poderia muito bem colocar algum efeito na carta que deixe ela jogável
    4 Machado de Guerra por 3 manas… ta! mas que vantagem maria leva? nenhuma! poderia dar grito de guerra: ganha 1 de armadura. é mas um de armadura n é quase nada. pois é ainda é alguma coisa, ta justificado o aumento da carta
    5 Líder Guerreiro Murloc essa foi a mais justa. ainda tem o 2 de ataque e da mais oportunidade para oponente resolver
    6 Bagata passar de 3 pra 4 por causa de carta futuras… n era melhor fazer quando o futuro chegasse?
    7 Avivar vira moeda… eles tinham a opção mas fizeram a escolha errada, 1 – 0 Mana: Restaure 2 manas. n da tanta vantagem e não perde a propriedade

    • Ðarkness

      Gadgetzan Auctioneer e Leeroy são exemplos de cartas que foram nerfadas e ainda são utilizadas.

    • http://www.youtube.com/SuperUai SuperUai

      1- Leiloeiro de Geringontzan e Leeroy, como o colega mencionou. Malabarista de Facas ainda vê jogo no Livre, Fogo d’Alma, Sylvana Correventos, Soltem os Cães, Gigante Derretido está quebrando o Livre agora, Executar, Yogg-Saron ainda vê um jogo aqui e outro ali em campeonatos, Missão do Ladino tem tudo para voltar agora, Sargento Abusivo viu jogo e a Coruja viu jogo no meta passado.

      2- Sim, é pra isso que eles nerfam. Para diminuir o poder da carta e fazer você jogar com outra coisa ou para diminuir o poder absurdo de um deck/carta.

      3- O Machado ainda está jogável. Está normal para esse meta.

      4- No 3 achei que você estava falando do Machado. Bom, releia o 3.

      5- Murlocs sempre foram desenhados para serem um deck aggro. LGM ainda está fazendo o que ele foi feito pra fazer: agressividade.

      6- Todo mundo encheu o saco pedindo o nerf dessa carta no ano passado, agora quando chega todo mundo tá enchendo o saco por causa do nerf. Esquisito, né? Bagata é absurda de forte, sempre foi. Melhor nerfar agora do que ouvir o choro no futuro. “Ah, mas ninguém usa Bagata hoje em dia!”, então porque a reclamação? Ele não deixaram de nerfar outra carta por conta da Bagata, eles adicionaram a Bagata ao grupo. Bagata não tirou o nerf de outra carta.

      7- Perderia a identidade de ramp, mas entendo o seu raciocínio, eles fizeram o que acharam que daria mais certo. Se fosse “Restaure 2 mana”, ia ter reclamação do mesmo jeito.

      Gostei da sua lista!