Quando os bebês começam a criar memória?

0

Explorar o desenvolvimento cognitivo dos bebês é fascinante e revelador, especialmente quando se trata de entender quando exatamente começam a formar memórias. Neste artigo, mergulharemos nesse tema intrigante, examinando os estágios iniciais do desenvolvimento da memória em bebês. 

Exploraremos os marcos e as descobertas científicas por trás desse processo cativante, fornecendo uma visão mais clara sobre quando e como os bebês começam a criar e reter lembranças. Ficou interessado? Continue lendo!

Como funciona a memória de um bebê?

A compreensão do desenvolvimento da memória em bebês é um campo de estudo fascinante, que nos permite adentrar nos mistérios da mente em formação. A memória declarativa (consciente) se evidencia já no primeiro ano de vida dos bebês, sendo demonstrada por meio de tarefas baseadas em imitação comportamental ou não verbal. 

Com o passar do tempo, eles conseguem reter lembranças de eventos por períodos progressivamente mais longos.  Por exemplo, aos 6 meses de idade, eles podem lembrar por até 24 horas, aos 9 meses por cerca de 1 mês e aos 20 meses por até 1 ano. 

Além disso, à medida que envelhecem, a confiabilidade da memória aumenta, com um maior número de bebês em cada grupo etário sucessivo demonstrando evidências de lembranças. O desenvolvimento da parte declarativa está correlacionado ao amadurecimento de áreas cerebrais, como o hipocampo e o córtex pré-frontal. 

Por volta do primeiro ano de vida, quando as estruturas do lobo temporal medial, incluindo o hipocampo, estão completamente desenvolvidas e há um aumento na densidade de sinapses no córtex pré-frontal, observa-se uma melhora na capacidade de lembrança dos bebês. 

Os avanços subsequentes na confiabilidade da memorização ao longo do segundo ano de vida estão relacionados a aumentos contínuos na formação de sinapses no córtex pré-frontal e no giro dentado do hipocampo.

Assim, a parte declarativa passa por um desenvolvimento substancial nos primeiros dois anos de vida, em consonância com o desenvolvimento das estruturas cerebrais envolvidas no processo de memorização.

Quando os bebês começam a criar memória?

O desenvolvimento da memória em bebês é um processo fascinante que se desenrola ao longo dos primeiros anos de vida. Desde os primeiros meses, eles começam a manifestar alguma forma de recordação, embora essa capacidade seja inicialmente rudimentar. 

Nos estágios iniciais, sua memória é predominantemente sensorial e de curto prazo, permitindo-lhes lembrar de eventos recentes, como sons familiares ou rostos conhecidos. Por volta dos 6 meses, os bebês começam a demonstrar sinais de recordações de longo prazo, conseguindo reter lembranças de eventos que ocorreram semanas ou meses antes. 

A partir dos 12 meses, a memória declarativa, que possibilita a lembrança consciente de fatos e eventos, começa a se desenvolver. Nesse estágio, eles podem começar a recordar experiências passadas de forma mais deliberada.

O desenvolvimento da linguagem e das habilidades cognitivas também desempenha um papel fundamental no fortalecimento da memória dos bebês à medida que crescem. À medida que aprendem a falar e a compreender o mundo ao seu redor, sua capacidade de processar e armazenar informações aumenta.

Assim, embora eles tenham alguma capacidade de memória desde cedo, essa habilidade se aprimora e se torna mais complexa à medida que se desenvolvem nos primeiros anos de vida.

Descubra mais sobre o fascinante desenvolvimento da memória em bebês! Compartilhe este artigo para que mais pessoas possam entender como os bebês começam a formar lembranças e como essa habilidade se desenvolve ao longo do tempo.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.